O Cantor

TRABALHO DE CARA NOVA COM O TALENTO DE SEMPRE

Mais de 20 anos de carreira separam o cantor Alex Cohen, que começou tocando em bares e festas de aniversário, do músico experiente que com seu carisma consegue levantar e animar a galera por onde passa com um show completamente renovado, com releituras de grandes sucessos e composições inéditas.

Com influência assumida da música dos anos 80 e fã de Beatles, Pink Floyd, Djavan, Lionel Ritchie, Maria Bethânia entre outros, o cantor define seu estilo eclético como pop romântico e promete um novo trabalho com canções autorais.

Mais sobre o Alex Cohen

A paixão pela música começou na adolescência, quando uma guitarra velha do pai, guardada no armário, virou a sua grande companheira. Foi o pai também quem lhe deu alguns livros e o ensinou a ler as primeiras cifras. Daí em diante, Alex Cohen não parou mais, sempre apoiado pela família que reconhecia o seu talento e acreditava em seu sonho. Hoje, o músico autodidata toca violão, guitarra e teclado com maestria e já teve composições gravadas por grandes artistas, como Chitãozinho e Xororó, The Fevers e Vavá, do grupo Karametade.

“A música é a minha maior paixão. Quando canto, me expresso, exorcizo os meus problemas, comemoro minhas alegrias e posso fazer o bem a alguém. Além de uma profissão, é também uma missão de levar alegria e amor para o público”,comenta Alex.

Durante a sua carreira, já teve oportunidades de se apresentar fora do país, como Las Vegas, Portugal, Itália e Argentina e dividiu o palco com Zezé Di Camargo e Luciano, Alcione, Leonardo, Beth Carvalho, Djavan, Jorge Vercillo e outros artistas. Alex Cohen ainda guarda alguns sonhos na gaveta “Adoraria cantar com o Rei Roberto Carlos, Ana Carolina, Marisa Monte e Lulu Santos”, conta.

Ao longo da carreira, o cantor, compositor e instrumentista já lançou três álbuns. O primeiro CD e DVD: “Alex Cohen – Ao Vivo”, em 2003, com produção musical de Ricardo Feghali; em 2005, o segundo CD, “Declaração”, que mostrou o seu lado mais pop romântico, foi lançado pelo selo próprio, o Tamu Junto Music, distribuído pela Universal Music produzido por Michael Sullivan; em 2012, veio o CD e DVD “Reluz”, gravado ao vivo, no palco do Hotel Windsor, na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, com direção musical de Max Pierre.

Os shows também são sempre muito ecléticos, misturando suas influências mais antigas com canções da atualidade, mais dançantes e que o público gosta de cantar junto. Sempre encantando com seu violão e levantando a plateia com solos incríveis na guitarra, o lema é tentar agradar a todas as idades. Preparem-se porque vem coisa boa por aí!

alex_cohenwashington-possato0190
10 Músicas Imperdíveis para Casamento